Home / Sem categoria / Espionagem contra Brasil demonstra a falta de respeito e invasão de privacidade dos Estados Unidos

Espionagem contra Brasil demonstra a falta de respeito e invasão de privacidade dos Estados Unidos

assange1

O fundador do Wikileaks, Julian Assange, disse na noite desta quarta-feira (18), durante videoconferência em São Paulo, que as denúncias de espionagem americana em território brasileiro revelam que os Estados Unidos estão invadindo o Brasil.

“O que significa quando uma lei sai de seu território [para agir em outro]? Vocês estão sendo invadidos por uma jurisdição, que está fazendo valer sua lei no estrangeiro”, declarou Assange durante o seminário Liberdade, Privacidade e o Futuro da Internet, organizado pela Secretaria Municipal de Cultura e pela Boitempo Editorial.

Durante uma videoconferência em São Paulo Julian Assange o fundador do Wikileaks disse , que as denúncias de espionagem americana em território brasileiro revelam que os Estados Unidos estão invadindo o Brasil.

ASSANGE-1Assange fez as declarações por meio de uma videoconferência direto da Embaixada do Equador em Londres: ” Vocês estão sendo invadidos por uma jurisdição, que está fazendo valer sua lei no estrangeiro… É um colapso dos direitos humanos.”

A chamada lei do terrorismo permitiu que os americanos realizassem escutas telefônicas e quebrassem sigilos para investigar possíveis atos de terrorismo. Técnicas violentas de interrogatório também foram empregadas no Oriente Médio. Para Assange, o aparato de espionagem global montado pelos EUA são consequência disso.

— Quase todas as comunicações da América Latina (98%) passam pelos EUA. Toda a estrutura [tecnológica] da comunidade do Brasil foi roubada pelos Estados Unidos. Cada pessoa que se comunica aqui está embutida nessa estrutura.

 

Comentários

Scroll To Top